Clube Livro

Quem está conectado

1 usuário online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 1 Visitante

Nenhum


O recorde de usuários online foi de 30 em Dom 17 Abr 2011, 16:21

Últimos assuntos

» PRESENÇA DIVINA
Um besteirol random: Sem nome Icon_minitimeQua 29 Fev 2012, 03:16 por Super Tifa

» Lancei o mMEU LIVRO, e voltei a CB
Um besteirol random: Sem nome Icon_minitimeTer 27 Set 2011, 13:01 por capitaoryu

» Queimando em fogo (Vou parar de postar aqui por quê ninguém comenta!)
Um besteirol random: Sem nome Icon_minitimeSab 10 Set 2011, 23:02 por Shadow_Hunter

» Suas lagrimas estão caindo
Um besteirol random: Sem nome Icon_minitimeSeg 05 Set 2011, 21:01 por Shadow_Hunter

» Oi denovo,"
Um besteirol random: Sem nome Icon_minitimeSeg 05 Set 2011, 20:59 por Shadow_Hunter

» Meu Destino é te amar...
Um besteirol random: Sem nome Icon_minitimeQui 25 Ago 2011, 11:05 por Shadow_Hunter

» Sangre verme!
Um besteirol random: Sem nome Icon_minitimeSeg 22 Ago 2011, 12:38 por Moonday

» Sonhos e Ilusões
Um besteirol random: Sem nome Icon_minitimeSeg 22 Ago 2011, 12:37 por Moonday

» AMAR VOCÊ
Um besteirol random: Sem nome Icon_minitimeSab 20 Ago 2011, 16:13 por Shadow_Hunter

» O Sinal da Cruz
Um besteirol random: Sem nome Icon_minitimeSab 20 Ago 2011, 15:39 por Shadow_Hunter

Carregando avatar...
Usuário:
Meu perfil.
Minhas preferências.
Assinatura.
Meu Avatar.

Post's:
Tópicos que supervisiono.
Meus tópicos favoritos.
Tópicos que participo.
Últimos tópicos.

    Um besteirol random: Sem nome

    vittis
    vittis
    Aluno
    Aluno

    Mensagens : 12
    Data de inscrição : 01/02/2011

    Respeito as Regras:
    Barra de Warning:
    Um besteirol random: Sem nome Left_bar_bleue100/100Um besteirol random: Sem nome Empty_bar_bleue  (100/100)

    Outro Um besteirol random: Sem nome

    Mensagem  vittis em Qua 02 Fev 2011, 00:01

    [Prólogo]
    [Bar Sacripanda, 03h17min]

    Estava chovendo violentamente.

    O sujeito olhou ao seu redor: Não havia nada e ninguem ali. As aranhas o encaravam e as teias o arrepiavam. A luz do luar deixava o ambiente ainda mais sombrio e o cheiro de madeira podre o nauseava. A cada trovão ele estremecia ainda mais e as goteiras davam a impressão que aquele bar era mais abandonado do que já era.

    Apesar disso, lá estava ele, parado, esperando. "Não posso sair daqui sem respostas", pensou. Já estava quase desistindo quando aconteceu: Uma forte pressão se fez em seus glúteos e ele pulou pra trás.
    -Tira a mão daí!
    Deu meia volta e viu o vulto que acabara de lhe apalpar. A luz do luar revelou a sua forma humana.
    -Foi mal - desculpou-se o estranho - É que tá escuro aqui...
    -Certo... - retrucou ainda meio assustado - E quem é você ?
    -Eu sou o escolhido - respondeu rapidamente.
    -Como assim escolhido? Foi você que me chamou aqui ?
    -Sim - afirmou o escolhido.
    -E o que você quer afinal? - indagou.
    -Nada não.
    O sujeito ficou boquiaberto. "O que estou fazendo aqui com esse maluco?".
    -Como assim você não quer nada?? - indagou - Eu estava durmindo tranquilamente quando, em plena 3 horas da manha, uma voz sombria me liga e diz pra eu ir a um bar abandonado e você me diz "nada?" ??
    -Tipo isso. - disse o escolhido tranquilamente.
    -Estou indo embora.
    Deu meia-volta e marchou para a porta de saída. Porém, ao tocar a maçaneta, sua mão queimou e um grito agudo escapou de seus lábios. O escolhido se virou também e disse, friamente:
    -Você não pode ir - um sorriso apareceu entre seus lábios - A festa está prestes a começar. Ele está chegando.
    -O que é você? - perguntou, ainda sentindo a sua mão queimando. - Quem mais está vindo?
    -Eu não posso pronunciar seu nome. Mas posso afirmar-lhe, ele está para chegar.
    -Diga de uma vez!
    -Ele é conhecido como...
    "O Terror Das Mulheres Casadas"

    Foi quando um trovão emergiu e uma névoa roxa se dissipou. Até as aranhas que tudo observavam se encolheram quando a porta se abriu violentamente.
    -Santa Maria de Guadalupe !
    Um vulto se formou e este foi se aproximando lentamente. A cada passo o ranger da madeira parecia uma adaga perfurando a sua carne. Se aproximou o suficiente para que a luz do luar revelasse a sua forma humana. Se encararam por um momento e então a criatura sombria falou:
    -Eu trouxe os biscoitinhos !
    -Finalmente! HOHO!

    by: vittis'
    @002
    Moonday
    Moonday
    Diretor
    Diretor

    Mensagens : 304
    Data de inscrição : 30/01/2011
    Idade : 23

    Respeito as Regras:
    Barra de Warning:
    Um besteirol random: Sem nome Left_bar_bleue100/100Um besteirol random: Sem nome Empty_bar_bleue  (100/100)

    Outro Re: Um besteirol random: Sem nome

    Mensagem  Moonday em Qua 02 Fev 2011, 00:06

    Bem legal ... engraçado, medonho ... bem random roxx
    *Asmodeus*
    *Asmodeus*
    Matriculado
    Matriculado

    Mensagens : 8
    Data de inscrição : 30/01/2011
    Idade : 26

    Respeito as Regras:
    Barra de Warning:
    Um besteirol random: Sem nome Left_bar_bleue100/100Um besteirol random: Sem nome Empty_bar_bleue  (100/100)

    Outro Re: Um besteirol random: Sem nome

    Mensagem  *Asmodeus* em Qui 03 Fev 2011, 04:27

    Pode crer mano. Fico muito BÃÃOO!

    Conteúdo patrocinado

    Outro Re: Um besteirol random: Sem nome

    Mensagem  Conteúdo patrocinado

      Tópicos similares

      -

      Data/hora atual: Ter 20 Ago 2019, 20:06